Notícias

7 Sacramentos: o que são, quais são e qual é a ordem

Os sacramentos são ritos de fé da Igreja Católica Apostólica Romana. Os sacramentos simbolizam momentos de comunhão e confirmação da fé em Deus.

São sete sacramentos: Batismo, Confirmação, Penitência, Eucaristia, Ordem, Matrimônio e Unção dos enfermos.

Cada um dos sacramentos acontece durante um período da vida das pessoas. Iniciando com o batismo, logo após o nascimento, e terminando com a Unção dos enfermos, dada aos doentes no final da vida.

Os sacramentos são importantes para a comunidade católica porque são ocasiões de relembrar as graças feitas por Deus e confirmar a continuidade e fortalecimento da fé cristã.

Batismo
Padre católico ergue a mão sobre uma criança para abençoá-la.

O batismo é o primeiro sacramento, geralmente dado ainda durante os primeiros meses de vida da criança. Os pais e os padrinhos são simbolicamente responsáveis por iniciar criança nos ensinamentos cristãos.

Ao ser batizada, a criança passa a integrar a comunidade da Igreja, mostra o desejo de encontrar a salvação e de seguir a Jesus Cristo.

Embora no catolicismo os batismos sejam feitos ainda durante a infância, os adultos que desejem se batizar também podem assim o fazer. Durante o batismo, água benta é jogada na cabeça do bebê, enquanto o padre realiza bençãos e orações. A água simboliza a purificação do espírito.

Saiba mais sobre o sacramento do Batismo.

Confirmação ou Crisma
Três vidros com óleo sagrado católico utilizado na cerimônia de Crisma

A Confirmação, mais conhecida como Crisma, é um sacramento que simboliza a confirmação da continuidade do cristão em seu caminho de fé. Trata-se de uma confirmação dos juramentos realizados no Batismo.

Como no batismo os juramentos a Deus são feitos pelos padrinhos e pais (já que o sacramento é realizado ainda durante a infância), a Crisma é o momento do próprio indivíduo renovar esses votos.

Durante a cerimônia de Confirmação, o sacerdote unge com óleo consagrado a testa dos crismando e faz perguntas sobre a permanência da pessoa na Igreja, que responde perante todos os presentes na Missa.

Penitência
Confessionário em madeira de cor escura.

O sacramento da Penitência também é por muitos chamados de Reconciliação. É através desse sacramento que o cristão, arrependido, confessa os seus pecados ao sacerdote. O padre dá uma penitência ao confessor e faz a oração de pedido e remoção dos pecados, reaproximando o cristão de Deus e absolvendo os seus pecados.

A confissão é realizada somente na presença do cristão e do sacerdote, geralmente em um confessionário.

Eucaristia
Um pedaço de hóstia consagrada está dentro de um cálice de vinho durante a cerimônia de Eucaristia.

A Eucaristia é considerada o sacramento dos sacramentos. Trata-se do sacramento em que os cristãos ingerem a hóstia consagrada, o corpo de Deus, relembrando a Santa Ceia, a Paixão de Cristo e sua ressurreição.

A hóstia consagrada é tida como um alimento espiritual, sendo que para recebê-la o cristão deve estar livre de seus pecados, ou seja, deve ter se confessado e recebido o sacramento da Penitência. Por isso, é considerada um sacramento de estado de graça.

Durante a Eucaristia, o pão e o vinho são consagrados se transformando em corpo e sangue de Cristo.

Ordem
Padres fazem a procissão com a eucaristia durante a Missa

Esse sacramento é dado somente aos cristãos que desejam ser sacerdotes. Somente homens, maiores de 25 anos, que desejem livremente abraçar a missão de orientar e guiar a comunidade católica podem ser ordenados.

Esses homens também devem ter uma grande fé e serem cristão íntegros e virtuosos. Ao ser ordenado, o sacerdote também assume funções e ministérios dentro da Igreja.

Existem três graus dentro do ordenado: episcopado (bispo), presbiterado (padre) e diaconado (diácono).

Matrimônio ou casamento
Casal de mãos dadas tem as mãos abençoadas pelo padre durante o casamento

Trata-se do sacramento em que um homem e uma mulher recebem a benção para se unir e iniciar uma família.

O casamento é um sacramento que propõe a fidelidade e a indissolubilidade, ou seja, não pode ser desfeito. O casamento só perde validade quando um dos parceiros morre.

Unção dos enfermos
Pessoa acamada em hospital recebe conforto com um aperto de mão.

Esse sacramento é dado ao cristão que está profundamente doente e corre o risco de morte. A Unção dos enfermos também pode ser chamada de Extrema Unção.

Durante o sacramento, o sacerdote unge a testa do doente com óleo consagrado, lê textos bíblicos e o conforta. A Unção dos enfermos é considerada o último dos sacramentos e visa aliviar os sofrimentos do fiel e perdoar os seus pecados.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo